Transplante de Córnea Lamelar Profundo

Transplante de Córnea Lamelar Profundo

Transplante

O transplante lamelar profundo é uma técnica moderna de transplante de córnea a onde se retira somente o estroma coreano (a parte doente da córnea), mantendo-se a membrana de Descemet e o endotélio. A técnica conhecida como "Big Bubble", na qual se separa a membrana de Descemet do estroma utilizando uma bolha de ar é a mais utilizada.

O transplante lamelar tem as vantagens de recuperação visual mais rápida, menor risco de rejeição da córnea doadora e maior tempo de sobrevida do transplante, pelo fato de preservar as células endoteliais do paciente (receptor).

O Endotelial é um tipo de transplante lamelar (posterior) no qual apenas a parte doente da córnea, chamada de endotélio, é trocada.

Tanto os transplantes de córnea Lamelar e Endotelial são mais vantajosos em relação ao Penetrante, sendo que este procedimento tem como base a remoção da espessura total da córnea e a substituição da córnea doadora, também de espessura total. Esta técnica era a mais utilizada até a pouco tempo e a chance de rejeição é maior. Para este caso, a velocidade de recuperação da acuidade visual é menor em relação à Lamelar Anterior e à Endotelial.

Veja também